Menu
Qui Quae Quod

Fechar Responsabilidade Social Corporativa

Fechar ARTIGOS DE OPINIÃO

Fechar Justiça Restaurativa

Fechar Multiculturalismo

Fechar Dossier Europa

Fechar ARTIGOS DE FUNDO

Fechar ARTIGOS DE FUNDO II

Fechar ARTIGOS DE FUNDO III

Fechar TENDÊNCIAS 21

Fechar CIBERDIREITOS

Fechar No gesto da procura

Fechar Os erros do ditado

Fechar Para ler e deitar fora

Fechar O canto dos prosadores

Fechar UTILITÁRIOS

Fechar Apresentações

Fechar Barra JURIS

Fechar CANCIONEIRO de Castelões

Fechar Coisas e loisas da língua portuguesa

Fechar DIVULGAÇÃO DE LIVROS

Fechar Delitos Informáticos

Fechar Encontros

Fechar JURISPRUDÊNCIA

Fechar Livros Maravilhosos

Fechar MANUAL DE REQUERIMENTOS

Fechar NeoFronteras

Fechar Nova Lei das Rendas

Fechar O canto dos poetas

Fechar Vinho do Porto

Fechar Workshops

Relax
Pesquisar



Visitas

   visitantes

   visitantes online

PREFERÊNCIAS

Voltar a ligar
---

Nome

Password


SOS Virus

Computador lento?
Suspeita de vírus?
Fora com eles!
AdwCleaner

tira teimas!
--Windows--

Já deu uma vista de olhos pelas gordas de hoje?


Desde 2004
sujet.gifNo gesto da procura - Uma flor

UMA FLOR


UMA FLOR COM AS SUAS PÉTALAS BRANCAS
O SEU CENTRO AVERMELHADO
NASCE NO JARDIM
NO JARDIM FLORIDO
NO JARDIM REGADO
NASCE UMA FLOR
UMA FLOR ÚNICA
PORQUE FOI A ÚLTIMA A NASCER ATÉ AGORA
ÚNICA PORQUE NÃO FOI CATIVADA
NASCEU Â SORTE
NO MEIO DA RELVA
DA RELVA VERDE
DO JARDIM
antónio alberto f. soares de pina(9 anos)



PARA MIM UMA FLOR SIGNIFICA BONDADE
AS PÉTALAS DIZEM BONDADE
É PAZ AMOR NÃO HAVER GUERRAS
O SEU PERFUME LEMBRA A PAZ
A SUA COR LEMBRA-ME O AMOR
A SUA FORMA LEMBRA-ME A PAZ
AS FLORES NÃO FALAM
ELAS NÃO COMEM
MAS BEBEM PELAS RAÍZES
fernando antónio ferreira de pinho (10 anos)



A FLOR É UMA COISA
BELA E INTERESSANTE
QUANDO CHORA
PARECE AINDA MAIS BELA
PARECE UM AMOR
UM AMOR BELO E QUERIDO
QUE TODOS AMAM
EU TANTO AMO A FLOR
COMO O CAMPO
SÃO OS DOIS UM SÓ MUNDO
UM DIA O PRÍNCIPE
LEVANTOU-SE
E OLHOU EM VOLTA
VIU AS MONTANHAS VERDES E O CÉU AZUL E AS NUVENS BRANCAS
E OS CAMPOS DE LINDAS FLORES PARECIAM RECEAR DE AMORES.
isabel augusta alves coelho (12 anos)



NO PAÍS DO SOL
ESTAVA TUDO ALEGRE:
CANTAVAM, DANÇAVAM
E OS QUE ANDAVAM ZANGADOS.
FAZIAM AS PAZES.
NESSE PAÍS DISTANTE
TODAS AS PESSOAS
ERAM ALEGRES E DIVERTIDAS,
VIVIAM FELIZES E AMAVAM-SE,
TODAS AS PESSOAS SE INTERESSAVAM PELOS OUTROS.
O SOL AJUDAVA
AS PESSOAS A DAREM-SE BEM,
AMAREM-SE,
QUEREREM-SE UMAS ÀS OUTRAS,
E A SENTIREM-SE FELIZES,

O SOL DEVIA SENTIR-SE FELIZ
POIS QUERIA QUE AS PESSOAS TAMBÉM SE SENTISSEM FELIZES,
SE AMASSEM E SE SENTISSEM CONTENTES.
ana isabel soares de pinho (12 anos)



EU SOU UMA FLOR DO JARDIM DO PRINCIPEZINHO.
O PRINCIPEZINHO PASSA E COMEÇA A GOSTAR DE MIM E
EU A GOSTAR DELE.
PODE HAVER DUAS MIL IGUAIS A MIM MAS ELE GOSTA MAIS DE MIM.
E TAMBÉM PODE HAVER MIL RAPAZITOS IGUAIS A ELE MAS EU GOSTO MAIS DELE.
QUANDO ELE PASSAVA POR MIM DIZIA-ME
- BOM DIA, FLOR!
E EU RESPONDIA
- BOM DIA, MENINO!
jorge manuel da costa pereira (12 anos)



EU SOU UMA POBRE FLOR PEQUENA. NINGUÉM GOSTA DE MIM PORQUE AINDA NINGUÉM ME CATIVOU.
UM DIA UM LINDO MENINO APARECEU NO MEU POMAR. ELE PERGUNTOU-ME SE EU QUERIA IR COM ELE PASSEAR.
EU DISSE-LHE QUE NÃO PORQUE AINDA NINGUÉM ME TINHA CATIVADO.
QUE É QUE QUER DIZER CATIVAR? - PERGUNTOU O PRINCIPEZINHO.
QUER DIZER QUE SE CRIAM AMIGOS. - RESPONDI.
MAS EU POSSO CATIVAR-TE - DISSE O PRINCIPEZINHO.
A SÉRIO QUE QUERES? - PERGUNTEI.
CLARO - RESPONDEU O PRÍNCIPEZINHO.
ENTÃO PODES CATIVAR-ME - DISSE EU.
O PRINCIPEZINHO CATIVOU-ME E EU SENTI-ME A FLOR MAIS BONITA DE TODAS.
DEPOIS FOMOS PASSEAR OS DOIS. E AQUI ACABA A HISTÓRIA.
maria da conceição alves teixeira (10 anos)



UMA FLOR QUE O PRÍNCIPE TINHA NO SEU JARDIM.
UMA VEZ, IA O PRÍNCIPE VER AQUELA FLOR TÃO
LINDA, QUE NINGUÉM TINHA SEMEADO.
MAS O PRÍNCIPE IA CHEIRÁ-LA E ELA NAQUELE MESMO INSTANTE MURCHOU.
O PRÍNCIPE AO VER AQUELA FLOR MURCHA ATÉ AS LÁGRIMAS LHE CAÍAM.
maria da conceição gaspar henriques (12 anos)



SOU UMA FLOR PEQUENINA DOS CAMPOS.
O MEU DESEJO É VIVER E AMAR...
É ESTE DESEJO QUE ME LEVA A PROCURAR AMIGOS.
UM DELES, O PRINCIPEZINHO. ASSIM:
- OLÁ, PRINCIPEZINHO! QUE FAZES NESTE LUGAR ISOLADO DO RESTO DO MUNDO?
- PROCURO ALGUÉM QUE QUEIRA BRINCAR COMIGO.
- SOU RICO, TENHO MUITO DINHEIRO MAS NÃO TENHO AMIGOS COM QUEM BRINCAR.
- OLHA, GOSTAS DE MIM?
- SIM, ÉS BELA E SIMPÁTICA.
- ENTÃO VAMOS PASSEAR E BRINCAR NAS FLORESTAS. VOU-TE MOSTRAR AS BELEZAS DA MINHA TERRA. NÃO UMA TERRA COMO A TUA ONDE HA ÓDIO, GUERRA E POBREZA. A MINHA TERRA É DE AMOR, LIBERDADE E AMIZADE.
antónio jorge neves gonçalves (1.º ano)



- PRINCIPEZINHO, CATIVA-ME!
- TU ÉS UMA FLOR...
- SOU SIM.
- TU QUERES QUE EU CRIE LAÇOS? É?
- POIS É...
- SIM, EU TE CATIVAREI!
- TU SERÁS MEU E EU TUA PARA SEMPRE.
antónio alberto f. soares de pina (1.º ano)



UMA VEZ, UMA FLOR DO JARDIM DO PRÍNCIPE COMEÇOU A FALAR PARA ELE E DISSE-LHE:
- PRÍNCIPE, PODIAS VIAJAR POR ESSE MUNDO FORA, DISTRAIAS-TE E VIAS COISAS MARAVILHOSAS. PODIAS FALAR COM PRINCESAS BELAS NOS SEUS PALÁCIOS. QUE COISA MARAVILHOSA.
ENTÃO, UM DIA, O PRÍNCIPE VIAJOU PELO MUNDO. IA ELE A CAVALO QUANDO VIU UMA FORMOSA PRINCESA QUE ESTAVA A PENTEAR OS SEUS BELOS CABELOS.
O PRÍNCIPE OLHOU PARA ELA E DISSE ASSIM PARA O SEU CAVALO:
- CAVALO, LEVA-ME AO PÉ DA PRINCESA.
O CAVALO PÔS-SE A GALOPE.
O PRÍNCIPE CHEGOU LÁ, A PRINCESA OLHOU PARA ELE E DISSE:
- DE ONDE VENS, PRÍNCIPE?
- VENHO DO MEU PEQUENO JARDIM DAS ALTAS MONTANHAS ONDE UMA FLOR DO MEU JARDIM ME FALOU PARA EU VIAJAR.
- FIZESTE BEM, PRÍNCIPE. ENTÃO VENS À PRESENÇA DE MEU PAI E PEDES-LHE PARA NÓS NOS CASARMOS.
ENTÃO OS DOIS CASARAM-SE E HOUVE MUITA FESTA NO PALÁCIO DAS MONTANHAS.
maria raquel de pinho tavares (l.º ano)



UM BELO DIA PASSOU POR MIM UM MENINO E EXCLAMOU
- AI!... QUE LINDA FLOR. CHEIROU-ME! CORTOU-ME. LEVOU-ME E EU VIVI.
NO OUTRO DIA O DONO DO JARDIM DEU PELA FALTA DA FLOR MAIS LINDA, MAIS BELA DAQUELE JARDIM E DISSE:
- AI! A MINHA LINDA FLOR... QUEM ME ROUBOU A MINHA LINDA FLOR?
NESTE MOMENTO PASSA O RAPAZINHO QUE A TINHA LEVADO E DISSE;
- FUI EU, MEU SENHOR.
- PARA QUE É QUE TU LEVASTE A MINHA LINDA FLOR? A MAIS BELA DO JARDIM.
- PORQUE ACHEI-A LINDA.
MAS JÁ ESTAVA A NASCER OUTRA FLOR AINDA MAIS LINDA DO QUE A OUTRA.
manuel antónio soares de oliveira (11 anos)



PARA CATIVAR TINHA DE AGRADAR AO PRINCIPEZINHO.
DEPOIS TERIA DE FAZER O QUE ELE QUISESSE MESMO
QUE ME CUSTASSE.
SE EU FOSSE UMA FLOR DO PAÍS DELE TERIA DE LHE
DAR FELICIDADE. POIS A MISSÃO DAS FLORES É A DE
DAR FELICIDADE.
SE EU O CATIVASSE TERIA DE SER A ÚNICA FLOR NO
MUNDO E ELE SERIA O ÚNICO NO MUNDO. ALÉM DE ELE
SER UM RAPAZINHO COMO OUTRO QUALQUER E EU SER
UMA FLOR COMO AS MINHAS IRMÃS QUE TAMBÉM SERIAM FLORES
TERÍAMOS DE NOS DAR BEM E DE NOS SACRIFICARMOS UM PELO OUTRO MESMO QUE CUSTASSE.
ana isabel soares de pinho (11 anos)



A FLOR COMEÇOU A NASCER E O PRINCIPEZINHO TODOS OS DIAS COMEÇOU A IR VISITAR A FLOR QUE ERA IGUAL ÀS OUTRAS QUE EXISTIAM NO MUNDO.
CADA DIA A FLOR IA CRESCENDO E O PRINCIPEZINHO CADA VEZ QUE IA VISITAR A FLOR ACHAVA-A MAIS BONITA.
UM DIA QUE ESTAVA MUITO CALOR PERDEU A FLOR, NÃO SABIA EM QUE LUGAR ESTAVA DO BOSQUE.
TANTO PROCUROU QUE ACHOU A FLOR E CATIVOU-A IMEDIATAMENTE.
antónio manuel correia abrantes (12 anos)


O QUE É O AMOR

O QUE É LIBERDADE
CONTRACAPA



Criado em: 05/09/2006 • 10:29
Actualizado em: 05/09/2006 • 11:52
Categoria : No gesto da procura


Imprimir Imprimir

Comentários


Comentário n°1 

JosGomes 05/09/2006 • 14:47

Gostei imenso de ler estas pequenas maravilhas. Há nelas mais poesia verdadeira que em muitos livros publicados dos "grandes".

Quando olhamos e vemos o que sai das cabecinhas lindas das crianças apetece acreditar que nascemos sábios e fazemo-nos ignorantes...

Nascemos como um lindo céu azul, que a vida vai preenchendo de gatafunhos até ficar sem graça...E revemos, maravilhados, esse belo azul celeste no olhar dos pequeninos.

Obrigado por trazer para aqui um pouco dessa beleza intemporal. 


  O galo pode cantar, mas é a galinha quem põe o ovo  Margaret Thatcher
^ Topo ^