Menu
Qui Quae Quod

Fechar Responsabilidade Social Corporativa

Fechar ARTIGOS DE OPINIÃO

Fechar Justiça Restaurativa

Fechar Multiculturalismo

Fechar Dossier Europa

Fechar ARTIGOS DE FUNDO

Fechar ARTIGOS DE FUNDO II

Fechar ARTIGOS DE FUNDO III

Fechar TENDÊNCIAS 21

Fechar CIBERDIREITOS

Fechar No gesto da procura

Fechar Os erros do ditado

Fechar Para ler e deitar fora

Fechar O canto dos prosadores

Fechar UTILITÁRIOS

Fechar Apresentações

Fechar Barra JURIS

Fechar CANCIONEIRO de Castelões

Fechar Coisas e loisas da língua portuguesa

Fechar DIVULGAÇÃO DE LIVROS

Fechar Delitos Informáticos

Fechar Encontros

Fechar JURISPRUDÊNCIA

Fechar Livros Maravilhosos

Fechar MANUAL DE REQUERIMENTOS

Fechar NeoFronteras

Fechar Nova Lei das Rendas

Fechar O canto dos poetas

Fechar Vinho do Porto

Fechar Workshops

Relax
Pesquisar



Visitas

   visitantes

   visitantes online

PREFERÊNCIAS

Voltar a ligar
---

Nome

Password


SOS Virus

Computador lento?
Suspeita de vírus?
Fora com eles!
AdwCleaner

tira teimas!
--Windows--

Já deu uma vista de olhos pelas gordas de hoje?


Desde 2004
Pesquisa JURISprudência

hera.pngPesquisa de TODA a jurisprudência nacional e comunitária (publicada na net),
incluindo o DRe
 
 
Ajuda

Um artigo ao acaso: ARTIGOS DE FUNDO - CC como um movimento global

Quando o professor da universidade de Stanford, advogado e activista da cultura livre Lawrence Lessig decidiu desenhar um modelo de licença de propriedade intelectual que se adaptasse às necessidades da era digital, pretendia simplesmente facilitar as coisas às pessoas que se dedicavam a estender a cultura de forma livre e voluntária. No entanto, e tal como explica nesta coluna, Lessig nunca pensou que as licenças Creative Commons (CC) se transformariam em algo tão significativo por si mesmas: CC tornou-se num movimento, numa vontade que encarna a filosofia de vida da cultura livre e que se estende por todo o mundo com uma força cada vez maior. Lessig dá três exemplos de como, desde governos da Europa central até ao Brasil e África do Sul, CC é muito mais que um manifesto jurídico.

Uma das coisas que me parece mais excitante no movimento CC é observar como se introduz e estende em culturas afastadasUma das coisas que me parece mais excitante no movimento CC é observar como se introduz e estende em culturas que estão muito afastadas do meu quartel-general de São Francisco.

Para isso citarei três exemplos, mas certamente poderia citar muitos mais. Em cada um deles, pode comprovar-se como as licenças CC, além de serem um instrumento que incentiva a partilha, servem para ampliar a categoria de criatividade de determinadas culturas.

O Brasil

O primeiro exemplo vem do Brasil, do sítio Overmundo. Overmundo...
Outras Notícias


JURIS

É com prazer que abrimos este novo espaço de divulgação e comunicação.

Depressa se constatará como ele representa uma nova forma de estar. Quebrando as regras tradicionais, este sítio é interactivo.

Não se limita a ser lido ou a ser mais um local onde podem descarregar-se conteúdos.

Cada informação, cada notícia, pode ter a marca da sua intervenção. Directa. Imediata. Sem recurso a email. À distância de um clique pode estar a sua palavra feita opinião, sugestão ou recomendação, sempre que o entender.

No momento seguinte ela fará parte da alma deste sítio. Transparente e livre como nasceu.

 Maio de 2004

 
 


 

 

 
 



  Beijar é cultura; só assim se conhece várias línguas  Anónimo
^ Topo ^